É curioso o desplante e desfaçatez com que a classe politica trata os assuntos de estado. Demonstrando um total desrespeito pelos eleitores que os elegeram para servirem o país

.posts recentes

. Uma desparasitação delici...

. Oh Pedrinho, é feio andar...

. É curioso a frase.

. Para que serve um Ministr...

. Qual é imagem de marca de...

. Mário Viegas Manifesto An...

. O pior presidente de semp...

. Vale a pena ir votar?

. Um presidente um governo.

. O fulano Decidiu que não ...

. Porque se fazem eleições ...

. Porque incomoda a tanta g...

. Pergunta do dia

. Anda por ai uma direita d...

. Olha como está irritada

. Andam todos por ai assust...

. Afinal o ps não aprendeu ...

. Que democracia é esta

. Diz o povo na sua sabedor...

. Existe gente com uma pret...

. “Ajudemos o presidente a ...

. O governo não sabia da li...

. Tiques de ditador.

. Porque razão apresentou a...

. O homem ainda não morreu ...

. Ulrich: "Troika mandou-me...

. Tanto ruido.

. 'Swissleaks' e a xariá

. O EMIGRANTE

. Quando se entra em campan...

. O alarve

. É um conto de crianças.

. Quando os valores morais ...

. Os nossos amigos de turba...

. 10 minutos da vida dum tr...

. Uma ideia, um terrorismo....

. O Mário e gafes

. Mais uma aventura que vai...

. O ambiente cheira mal

. Quando a saúde não tem me...

. Ilhas selvagens portugues...

. Estou farto dos que dizem...

. Quantos pobres recebem “9...

. Grande golpe publicitário...

. Muito se tem falado e esc...

. Visita Guiada ao Museu Mi...

. Como lida a polícia no br...

. A TAP, e os palermas

. BEM-HAJA, Senhor Almirant...

. São noticias deste calibr...

.tags

. “É para inglês ver”; insustentável; list

. “falta de carácter”

. “OBVIAMENTE

. "a voz do dono"

. "Não tenho andado por aqui"

. "o baqueiro do regime"

. "O insólito acontece "

. "reduzir salários"

. 10.8%;erro;grave;desemprego

. 14%; desemprego

. 150 bombeiros

. 150.000 entalhes.

. 25 abril

. 27º

. 4 Milhões

. «por que no te callas»

. a aldeia dos trafulhas.

. a arte de bem mentir.

. a culpa morre solteira

. a força

. a gamar é que esta o ganho

. A ministra? E os exames…

. a primeira baixa colateral

. a velha

. abertura

. acabou

. acepipe

. agentes políticos

. agressões

. aguenta

. ai

. ajuda

. al-zarqawi

. alcachofra

. alcatrão

. alemao

. alguem diferente

. alimentar

. almeida ao poder.

. amnistia

. amo-te

. ana politkovskaia

. anjos caídos

. aprender

. armadilha mortal

. arquivamento

. arredondamento; banco; roubo; arrogante

. Arriba Fóssil

. asneira; nuclear; falências; electricida

. asno

. asnos; governam

. assalto; banco

. assaltos

. assaltos violentos

. assistência

. avô cantigas

. azar; vai-te satanás

. balbúrdia

. baldas

. bancarrota; guerra-civíl

. bancos; depositos

. bancos; lucros

. bandeira

. bando de bestas

. banha da cobra

. bárbaros; império; reformas

. bes

. besta; muro

. bestas

. bestiais

. bicha popular

. bilderberg; foleiro

. bisonte;

. bloco central

. BMW; sumptuárias; encantar; défice

. bobo

. brasil

. briosa de luto

. bronco; sporting

. Buracos negros; pensões douradas; vidas

. burlesco; revolta; fora-da-lei

. burro

. burros e jumentos.

. c.g.d.

. cacto

. cada cavadela

. corrupção

. corruptos

. demagogia

. economia da ruína

. estupidez

. grécia

. incompetente

. militares

. oportunismo

. pedofilia

. ridículo

. roubo

. socialismo

. sons of anarchy

. todas as tags

.arquivos

. Novembro 2017

. Junho 2017

. Outubro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

Sábado, 29 de Abril de 2006

As dividas e as dúvidas à segurança social

Nada acontece por acaso. As notificações de dívidas mandadas para as empresas com datas perdidas no início da década de 90 do século passado tem muito que se diga e a intenção é tudo menos inocente. Acredito que existam empresas com as respectivas contribuições em falta. Mas, é mais que evidente que por meio apareçam empresas que honraram os seus compromissos e nada devam. O aparecimento destas dívidas dum passado tão longínquo é propício a que algumas firmas não consigam fazer prova documental do pagamento das respectivas contribuições. Isto porque as empresas, tinham por pratica e eram incentivadas pelo próprio estado a guardar a contabilidade por um período máximo de dez anos. Ficamos agora a saber que devemos guardar os documentos comprovativos de pagamentos ao estado, toda uma vida e mais p'ralém. 

Quando se trata de dinheiros que pertencem ás pessoas e foram confiados ao estado, para que num futuro providenciasse um justo descanso de uma vida de trabalho. Não podem ser tratados de ânimo leve. Não se pode declarar dividas sem que elas efectivamente existam. Porque, se não for o caso e aparecerem empresas que consigam provar depois de notificadas, que nada devem. É grave, muito grave é desonesto. Como é facto recorrente noutras situações. Exemplo recente das dívidas ás finanças. É um facto notório de erro dos serviços do estado e que não é possível negar, de boa fé. Nesta situação de falsas dívidas em que empresas foram notificadas e que tinham na sua posse documentos comprovativos do erro dos serviços. O estado abriu algum processo de averiguação a quem emitiu essas notas de divida? E ainda neste caso que vai acontecer aos trabalhadores no dia da sua reforma quando perfizerem a idade de reforma, sabe-se lá quando? Se não existirem no seu processo os descontos que entretanto o estado não conseguiu sacar. E os anteriores a década de 90, que é feito deles? Também sofreram erosão? Existem, podemos estar seguros que não desapareceram? Que acontecerá ao valor da reforma? Será penalizada?...

Em 2000 pedi à segurança social uma contagem de tempo de descontos. Estava lá tudo desde o início. Agora vou pedir outro só para confirmar. É que a um antigo colega desapareceram descontos referentes aos anos 80. Há dúvidas e dívidas providenciais.

O próximo milagre é o desaparecimento do registo da contribuição autarca e também da respectiva isenção? Para quando a notificação dos proprietários de imóveis? Quando vai ser exigido o comprovativo do pagamento da contribuição autarca? Ou o comprovativo da isenção?

Assim e em pequenas doses é profilático e a propaganda agradece.

publicado por carlocos às 23:13
link do post | Arrifem comentários | favorito
1 comentário:
De Anónimo a 3 de Maio de 2006 às 11:50
Desapareceu os descontos óh porra , mas esta malta não aprende , tem que se andar em cima deles , mas claro com tanta gente a ir para a reforma ficaram sem pessoal , aliás , vamos ter que mandar vir uns emigrantes para ocupar uns lugarzinhos que existem lá mais para o interior , ou seja , para trabalhar naquilo que outros não o querem , ao que estamos a chegar .frf
(http://touaqui.blogs.sapo,pt)
(mailto:frferreira@sapo.pt)

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.links

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds