É curioso o desplante e desfaçatez com que a classe politica trata os assuntos de estado. Demonstrando um total desrespeito pelos eleitores que os elegeram para servirem o país

.posts recentes

. Uma desparasitação delici...

. Oh Pedrinho, é feio andar...

. É curioso a frase.

. Para que serve um Ministr...

. Qual é imagem de marca de...

. Mário Viegas Manifesto An...

. O pior presidente de semp...

. Vale a pena ir votar?

. Um presidente um governo.

. O fulano Decidiu que não ...

. Porque se fazem eleições ...

. Porque incomoda a tanta g...

. Pergunta do dia

. Anda por ai uma direita d...

. Olha como está irritada

. Andam todos por ai assust...

. Afinal o ps não aprendeu ...

. Que democracia é esta

. Diz o povo na sua sabedor...

. Existe gente com uma pret...

. “Ajudemos o presidente a ...

. O governo não sabia da li...

. Tiques de ditador.

. Porque razão apresentou a...

. O homem ainda não morreu ...

. Ulrich: "Troika mandou-me...

. Tanto ruido.

. 'Swissleaks' e a xariá

. O EMIGRANTE

. Quando se entra em campan...

. O alarve

. É um conto de crianças.

. Quando os valores morais ...

. Os nossos amigos de turba...

. 10 minutos da vida dum tr...

. Uma ideia, um terrorismo....

. O Mário e gafes

. Mais uma aventura que vai...

. O ambiente cheira mal

. Quando a saúde não tem me...

. Ilhas selvagens portugues...

. Estou farto dos que dizem...

. Quantos pobres recebem “9...

. Grande golpe publicitário...

. Muito se tem falado e esc...

. Visita Guiada ao Museu Mi...

. Como lida a polícia no br...

. A TAP, e os palermas

. BEM-HAJA, Senhor Almirant...

. São noticias deste calibr...

.tags

. “É para inglês ver”; insustentável; list

. “falta de carácter”

. “OBVIAMENTE

. "a voz do dono"

. "Não tenho andado por aqui"

. "o baqueiro do regime"

. "O insólito acontece "

. "reduzir salários"

. 10.8%;erro;grave;desemprego

. 14%; desemprego

. 150 bombeiros

. 150.000 entalhes.

. 25 abril

. 27º

. 4 Milhões

. «por que no te callas»

. a aldeia dos trafulhas.

. a arte de bem mentir.

. a culpa morre solteira

. a força

. a gamar é que esta o ganho

. A ministra? E os exames…

. a primeira baixa colateral

. a velha

. abertura

. acabou

. acepipe

. agentes políticos

. agressões

. aguenta

. ai

. ajuda

. al-zarqawi

. alcachofra

. alcatrão

. alemao

. alguem diferente

. alimentar

. almeida ao poder.

. amnistia

. amo-te

. ana politkovskaia

. anjos caídos

. aprender

. armadilha mortal

. arquivamento

. arredondamento; banco; roubo; arrogante

. Arriba Fóssil

. asneira; nuclear; falências; electricida

. asno

. asnos; governam

. assalto; banco

. assaltos

. assaltos violentos

. assistência

. avô cantigas

. azar; vai-te satanás

. balbúrdia

. baldas

. bancarrota; guerra-civíl

. bancos; depositos

. bancos; lucros

. bandeira

. bando de bestas

. banha da cobra

. bárbaros; império; reformas

. bes

. besta; muro

. bestas

. bestiais

. bicha popular

. bilderberg; foleiro

. bisonte;

. bloco central

. BMW; sumptuárias; encantar; défice

. bobo

. brasil

. briosa de luto

. bronco; sporting

. Buracos negros; pensões douradas; vidas

. burlesco; revolta; fora-da-lei

. burro

. burros e jumentos.

. c.g.d.

. cacto

. cada cavadela

. corrupção

. corruptos

. demagogia

. economia da ruína

. estupidez

. grécia

. incompetente

. militares

. oportunismo

. pedofilia

. ridículo

. roubo

. socialismo

. sons of anarchy

. todas as tags

.arquivos

. Novembro 2017

. Junho 2017

. Outubro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

Sexta-feira, 6 de Outubro de 2006

“Batalha da moralização da vida pública”.

“Olhando para a República Portuguesa, prestes a comemorar cem anos de existência, não poderemos deixar de notar que o comportamento ético de muitos dos nossos concidadãos, incluindo alguns daqueles que são chamados a desempenhar cargos de relevo, nem sempre tem correspondido ao modelo ideal de civismo republicano”,

“Olhando para a República Portuguesa, prestes a comemorar cem anos de existência, não poderemos deixar de notar que o comportamento ético de muitos dos nossos concidadãos, incluindo alguns daqueles que são chamados a desempenhar cargos de relevo, nem sempre tem correspondido ao modelo ideal de civismo republicano”

“Um potencial corrosivo para a qualidade da democracia”.

“Tarefa que compete em primeira linha aos titulares de cargos públicos”. “Trata-se de uma interpelação que percorre todos os níveis do Estado, do poder central às autarquias locais”

“A transparência da vida pública deve começar precisamente onde o poder do Estado se encontra mais próximo dos cidadãos”: os autarcas. “É necessário chamar a atenção, de uma forma particularmente incisiva, para as especiais responsabilidades que todos os autarcas detêm nesta batalha”

Existem sinais que nos obrigam a reflectir seriamente sobre se o combate a esse fenómeno [corrupção] tem sido travado de forma eficaz e satisfatória, seja no plano preventivo da instauração de dever e responsabilidade, seja no plano repressivo da perseguição criminal.

Excertos do discurso do Sr. Presidente da República Portuguesa nas comemorações dos 96 anos da proclamação da República.

Por momentos pensei estar noutro país, num país com os indicadores de corrupção idênticos aos locais, mas que os corruptos conhecessem o resultado da repressão. Pensei estar, talvez em Itália – onde clubes se envolvem em actividades ilícitas e em resultado disso descem de divisão. Onde a justiça não é compadeceste nem com presidentes. Onde a máfia enfrentou um processo “mãos limpas”. Por momentos pensei estar num país faz de conta. Mas depressa cai na realidade e fui acordado com o estampido dos processos – Casa Pia, Felgueiras, Freeport, eurominas, UGT, Morais, judas, sobrinhos, sobrinhas e enteados, cartolas, bancos, apitos dourados, financiamento dos partidos, financiamento dos clubes, fogos florestais, sobreiros, Partex, aterros, fundos sociais europeus, aeroporto, portos, pilotos, Sines e etc – um findar de situações dos chamados “colarinhos brancos” que nunca viram resultado ou sem resultado à vista. 

No fim o resultado é só um, o empobrecimento de quase todos e o enriquecimento de alguns. Os quase todos são mantidos em fatias discutindo as invejas entre eles e os alguns, sorriem enquanto os roubam.

publicado por carlocos às 13:41
link do post | Arrifem comentários | favorito
2 comentários:
De touaqui a 6 de Outubro de 2006 às 20:13
Não poderei estar mais de acordo com este comentário falástes curto e grosso.
Infelizmente é a vida real deste país.
Ainda agora ouvi o PM dizer que vai haver cortes menos na ciencia que aumenta 65%, e a SAUDE ???.
àh e agora deu nova SONDAGEM com o tal PS á frente alargando-se do 2. PSD, ou eu estou a ficar sózinho na maneira de se falar com os problemas deste país ou então alguém encomenda e bem a maneira de uma SONDAGEM á maneira.
De carlocos a 6 de Outubro de 2006 às 22:43
O jogo publicitário manda, sempre que o governo sai com uma ideia estúpida aparece uma sondagem favorável.
A fórmula é antiga e as verdadeiras sondagens são nas urnas. A quando da ideia peregrina do modelo esgotado Soares também as sondagens até perto do fim da campanha o davam vencedor e na pior situação a passagem à 2 volta.
Estaremos esquecidos das sondagens para a câmara do porto que davam maioria absoluta ao candidato socialista que já ninguém se lembra quem era. E a vitoria estrondosa do menino birrento em Lisboa. Tantas outras que iam de vencida. Afinal foi o que se viu.
Apesar duma oposição fraca, não podemos esquecer que não se ganham, perdem-se eleições.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.links

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds