É curioso o desplante e desfaçatez com que a classe politica trata os assuntos de estado. Demonstrando um total desrespeito pelos eleitores que os elegeram para servirem o país

.UTILIDADES


ARTE
Aguarelas de Turner
Elfwood
Fantasy art
Boris Vallejo
Gorodin
Imagenetion
Luis Royo
Soanala
Tendreams
Zindy

ROTEIROS e MAPAS
Atlas local
Autour du Monde
Rotas e Viagens
Maporama.com
Mapas.clix
Mapa Michelin
Planta lisboa

AMBIENTE
Fauna Ibérica
Quercus
Geota
Portal Ambiente Online

COISAS INTERESSANTES
"> Dicas
Portal Europeu da Mobilidade
Expresso Emprego
Lado Negro da WEB
O Império Romano
Revelar Lisboa
Portal da história
Covers
Clube internet
Terramoto 1755
Lyrics
Museu das mentiras
Todays front pages
Realidade oculta
Vatican the Holy See

METEOROLOGIA
Geocid
Instituto de Meteorologia
Previsão do Estado do Tempo
Weather.co.uk

RECEITAS de CULINÁRIA
Culinarias.NET
Gastronomia de Portugal
Gastronomia Tradicional Portuguesa
Petiscos
Receitas de Culinária Online
Receitas e menus
Receitas macrobiótica
Receitas, Refeições e Comida É aqui!
Serviço Português de Gastronomia e Hotelaria

INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA
Atlas Geográfico
Centro de Estudos Geográficos
Earth google
Guia Geográfico
Instituto Geo do Exército
Instituto Geo Português

INVESTIGAÇÃO ESPACIAL
Agencia espacial europeia
SPACE.com
Portal do astrónomo

TEMPLATES
^.^ COYSITAS II ^.^
Mudar o template
Templates by Maximus
Portal By Marina

WALLPAPER
Dave's Scenic Nature
Deviantart
Desktopia
Digital Blasphemy
PCparadise
SPACE
Webshots

CASAS ENGRAÇADAS
Cavalheiros do Apocalipse Diz Que Disse
Esta barra é azul!
Estranho mas verdade
O coiso
Frente de Libertação Caramela
História em Disparates
Macacos sem galho
O Bobo
O MANGALHO ANTÍ-STRESS
vitominas

MOTORES DE BUSCA
Clix
Descobre
Google
Guia gratis
Iol
O leme
O Mocho
Sapo
Tendencia.cc

ENCICLOPÉDIAS E DICIONÁRIOS
Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
corrector On-line
Dicionários
Tradutor
Wikipedia

JORNAIS DE PORTUGAL
Agencia financeira
Correio da Manhã
Diário digital
Diário económico
Diario de notícias
Expresso
Lusa
Jornal digital
Jornal de negócios
Jornal de notícias
Jornalismo & Comunicação
Mundo.pt
Sol
Publico
O 1º de Janeiro
Semanário

REVISTAS
Nova Vaga
Visão
Finisterra
National Geographic
Atlântico
Sabado

TV
TVI

Rádio

Telefonia do Alentejo
RR

JORNAIS REGIONAIS
ALGARVE

Jornal do Algarve
Jornal do sotavento
Região sul

ALTO ALENTEJO
Diário do Alentejo

BAIXO ALENTEJO
Moura digital

BEIRA ALTA
Diário regional Viseu
Nova Guarda

BEIRA BAIXA
Jornal do fundão
Reconquista
Gazeta do interior

BEIRA LITORAL
As Beiras
Diário de Coimbra
Diário de Aveiro
Diário de Leiria

DOURO LITORAL
Imediato

ESTREMADURA
Jornal da praceta
Região de Setubal
Voz do campo
O Setubalense

MINHO
Diário do Minho
Antena Minho-106.0 FM

RIBATEJO
O Mirante
O Ribatejo
Vida Ribatejana

TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO
Mensageiro de Bragança
Voz do nordeste

AÇORES
Azores.gov
Azores digital
Açoriano Oriental
A união

MADEIRA
Madeira.gov
DN da Madeira
Jornal da Madeira

COMUNIDADES PORTUGUESAS
Lusoamericano
Gazeta Lusófona
Jornal Portugal Ilustrado
Mundo-Luso
Portuguese times
Sol Português

ESTRANJA
ANGOLA
Angola Press

ARGENTINA
Clarin Digital
Pagina12

BRASIL
Correio da Bahia
Diario do Nordeste
Globo
News yahoo
Midia sem mascara
Gazeta online

CHILE
El Mercurio
El diario

ESPANHA
El País
El Mundo
abc
Andalucia
El Periodico
Minuto Digital

FRANÇA
Le Monde
Le Figaro

INGLESES
Guardian
The Herald
Financial Times

ITALIANOS
Corriere della Sera
La Repubblica

PORTO RICO
El Nuevo Día

USA
The New York Times
The Washington Post

Islão
Webislam

.posts recentes

. Uma desparasitação delici...

. Oh Pedrinho, é feio andar...

. É curioso a frase.

. Para que serve um Ministr...

. Qual é imagem de marca de...

. Mário Viegas Manifesto An...

. O pior presidente de semp...

. Vale a pena ir votar?

. Um presidente um governo.

. O fulano Decidiu que não ...

. Porque se fazem eleições ...

. Porque incomoda a tanta g...

. Pergunta do dia

. Anda por ai uma direita d...

. Olha como está irritada

. Andam todos por ai assust...

. Afinal o ps não aprendeu ...

. Que democracia é esta

. Diz o povo na sua sabedor...

. Existe gente com uma pret...

. “Ajudemos o presidente a ...

. O governo não sabia da li...

. Tiques de ditador.

. Porque razão apresentou a...

. O homem ainda não morreu ...

. Ulrich: "Troika mandou-me...

. Tanto ruido.

. 'Swissleaks' e a xariá

. O EMIGRANTE

. Quando se entra em campan...

. O alarve

. É um conto de crianças.

. Quando os valores morais ...

. Os nossos amigos de turba...

. 10 minutos da vida dum tr...

. Uma ideia, um terrorismo....

. O Mário e gafes

. Mais uma aventura que vai...

. O ambiente cheira mal

. Quando a saúde não tem me...

. Ilhas selvagens portugues...

. Estou farto dos que dizem...

. Quantos pobres recebem “9...

. Grande golpe publicitário...

. Muito se tem falado e esc...

. Visita Guiada ao Museu Mi...

. Como lida a polícia no br...

. A TAP, e os palermas

. BEM-HAJA, Senhor Almirant...

. São noticias deste calibr...

.tags

. “É para inglês ver”; insustentável; list

. “falta de carácter”

. “OBVIAMENTE

. "a voz do dono"

. "Não tenho andado por aqui"

. "o baqueiro do regime"

. "O insólito acontece "

. "reduzir salários"

. 10.8%;erro;grave;desemprego

. 14%; desemprego

. 150 bombeiros

. 150.000 entalhes.

. 25 abril

. 27º

. 4 Milhões

. «por que no te callas»

. a aldeia dos trafulhas.

. a arte de bem mentir.

. a culpa morre solteira

. a força

. a gamar é que esta o ganho

. A ministra? E os exames…

. a primeira baixa colateral

. a velha

. abertura

. acabou

. acepipe

. agentes políticos

. agressões

. aguenta

. ai

. ajuda

. al-zarqawi

. alcachofra

. alcatrão

. alemao

. alguem diferente

. alimentar

. almeida ao poder.

. amnistia

. amo-te

. ana politkovskaia

. anjos caídos

. aprender

. armadilha mortal

. arquivamento

. arredondamento; banco; roubo; arrogante

. Arriba Fóssil

. asneira; nuclear; falências; electricida

. asno

. asnos; governam

. assalto; banco

. assaltos

. assaltos violentos

. assistência

. avô cantigas

. azar; vai-te satanás

. balbúrdia

. baldas

. bancarrota; guerra-civíl

. bancos; depositos

. bancos; lucros

. bandeira

. bando de bestas

. banha da cobra

. bárbaros; império; reformas

. bes

. besta; muro

. bestas

. bestiais

. bicha popular

. bilderberg; foleiro

. bisonte;

. bloco central

. BMW; sumptuárias; encantar; défice

. bobo

. brasil

. briosa de luto

. bronco; sporting

. Buracos negros; pensões douradas; vidas

. burlesco; revolta; fora-da-lei

. burro

. burros e jumentos.

. c.g.d.

. cacto

. cada cavadela

. corrupção

. corruptos

. demagogia

. economia da ruína

. estupidez

. grécia

. incompetente

. militares

. oportunismo

. pedofilia

. ridículo

. roubo

. socialismo

. sons of anarchy

. todas as tags

.arquivos

. Novembro 2017

. Junho 2017

. Outubro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

.Contadores

Quarta-feira, 20 de Junho de 2012

A última asneira

Existem pessoas que passam por lugares e cargos, deixam alguma coisa que fazem recordar. Umas são boas recordações, outras assim, assim e outras as memorias que ficam são atitudes imbecis.  

 

Os ministros não escapam à esta norma. Eles há os dos cornos, do fim da crise e do “L” a mais, ideia propria duma mente mentecapta para dizer que fez alguma coisa.

 

Manuel Pinho é o ministro dessas coisas todas e da produção nula e ineficaz, que dotou o país de asneiras e parvoíces. Como a luz da vela, encheu Portugal de asneiras até a telha.

 

Da sua última foi passada, a esfregona finalmente levou. O L de AL”L”garve foi finalmente apagado. Já não era sem tempo.

 

Mas cuidado eles andam por ai e nunca se sabe se a imbecilidade não regressa.

publicado por carlocos às 22:20
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Estranho

Numa busca rápida pela internet encontrei este gráfico o que me deixou surpreso.

São “Dados de Eurostat Última atualização: 19 de Jun de 2012” onde é referido que o salário mínimo em Portugal é de 565 euros.

O que não corresponde a verdade. Que esta em vigor é de 485.* DL 143/2010
de 31 de Dezembro
.

publicado por carlocos às 16:38
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

O parasitismo

Em nome do desemprego mas com a mira num país de salários mínimos e de trabalhadores sem direitos e liberdades. Um país de igualdades na precariedade e baixos salários. Foi promulgado pelo Presidente da república o novo acordo da concertação social.

De acordo em acordo o desemprego aumenta proporcionalmente ao número de trabalhadores que auferem o salario mínimo. No fim, o objetivo a que estes acordo se prepoém esta a ser amplamente alcançado. Trabalho mal renumerado, precário e o aumento da pobreza. Facilitar os despedimentos a todo o custo para que os patrões se possam livrar dos trabalhadores que auferem salários superiores ao mínimo e que tenham vínculo laboral com as empresas. Reduzir custos é preciso. Reduzir ao máximo os encargos com trabalhadores se possível todos a recibos verdes e 485.* DL 143/2010
de 31 de Dezembro

Estes governantes têm uma visão e um sonho para o Portugal; um país onde o salário mínimo cubra a maioria das relações empregadores/empregados. Um país mais pobre assim como a profecia deste sr. que se tornou realidade em resultado do trabalho do anterior governo.

 

publicado por carlocos às 16:27
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Existem momentos em que podemos ficar na história dum povo pelas piores razões

Existem momentos em que podemos ficar na história dum povo pelas piores razões.

 

Cavaco Silva, tem ao longo da sua carreira como politico profissional entrecortada por outros cargos por ele desempenhados, diversas oportunidades com registo relevante na recente história desta nação centenária.

Muitos foram os momentos em que marcou presença saliente e nalguns casos brilhantes, para a continuidade da união deste povo secular.

 

Mas quer vitima das condições, actuais quer por desleixo ou iniciativa própria. Cavaco tem vindo a desbaratar um elevado montante de aceitação e respeito público. Quem o elegeu pela 1ª vez não escondeu que queria um presidente activo, empenhado e uma voz contra o assalto aos escassos recursos do país.

 

Era pedido um presidente empenhado no controle da governação e dos disparates para não dizer roubo a que o país estava sujeito. Sequestrado por uma elite que paulatinamente veio a impor um rumo de destruição e saque. Restava a alguns ainda com respeito à democracia mas responsáveis. A pedir que através da força dos votos eleger alguém capaz de se impor. De, com a sua respeitabilidade por algum travão aos devaneios daquele socrates e pandilha. Nada mais errado. Nunca fez influência – ou assim o parentou – para por um travão na desgovernação e no saque que constantemente, diariamente temos conhecimento quer através do tribunal de contas. Quer por outros processos relevantes de controlo da sociedade portuguesa.

 

Mas se antes não respondeu aos anseios de quem o elegeu. Também agora e após uma eleição pouco concorrida. Manchada com as irregularidades nas eleições que privaram muitos dos portugueses de exercer o seu direito de voto, por via administrativa. Foi Imposto mudança do local de voto. Que ainda hoje não sei se foi legal. Porque nalguns caso uma família viu-se a votar em locais totalmente distintos com diferenças em distâncias superiores a 300 quilómetros. E quando se procurou responsabilidade. Viu-se o sacudir de responsabilidade dos governantes.

 

Cavaco tem sido mais do mesmo. Provocando a ideia tantas vezes banalizada nos desenhos animados da minha infância. da imagem dos corvos e da ausência de respeito deles por aquele Sr. Vestido com roupas humanas e recheado de palha com a missão de defender o milho da voracidade dos ditos.

publicado por carlocos às 15:58
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Hoje é o dia dos piegas roubados

Hoje é o dia em que o governo rouba um subsídio para pagar os roubos provocados por outro governo.

 

Este governo sem vergonha em vez de levar à barra dos tribunais os actores das negociatas das PPP,s. Em vez de anular as trafulhices sem perdão dessas mesmas negociatas, pratica um roubo. Rouba o subsídio de férias para compensar e atenuar os anteriores roubos. É fácil roubar esses subsídios o difícil é aplicar a justiça. O difícil é negar os pagamentos mesmos que ilegais. O difícil é ir contra os patrões e os donos deles.

 

Estamos em breve em Agosto e de novo na senda das portagens na ponte “Salazar” que vamos pagar, não para aliviar as contas públicas mas para pagarmos em duplicado uma portagem. Para rechiar-mos os bolsos da concecionária com as transferências dos impostos e das portagens por quem lá passa. Quem lá passa paga duas vezes.

 

Este como o outro anterior não governa em nome de Portugal e dos portugueses. Governa em nome dos donos de Portugal.

publicado por carlocos às 12:25
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Manifestação pelo direito ao trabalho

 

Daqui, Aventar

publicado por carlocos às 12:07
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Domingo, 3 de Junho de 2012

Porque é que há “velhotes” que não têm dinheiro para pagar a conta da luz?

publicado por carlocos às 22:50
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Contam comigo, dia 30 de Junho

«Quem já não tem nada a perder, tem tudo a ganhar em lutar». Frase certa mas com pouco valor numa sociedade onde as pessoas se mobilizam e inclusive perdem dias de trabalho ou de praia para ir a um concerto, um jogo de futebol para adquirir aquele gadget. Mas que choram a perda do tempo ou do salário por um dia de luta em defesa do seu posto de trabalho. Ou de uma melhor condição de vida.

Para lutarem por si ou pelos outros, pouco estão disponíveis. As razões são mais que muitas. É política, é um dia de sol, é um dia de chuva é uma razão qualquer, tudo serve. Até ao dia que se encontram sem tecto e sem mesa para pôr comida. Pouco estão disponíveis para lutar pela condição de serem pessoas. Cidadãos com direito a um trabalho/salário justo. Uma vida onde possam crescer como seres humanos plenos dos seus direitos.  

Fossem mais proactivos na defesa da democracia e dos direitos a serem cidadãos de pleno direito e estes dirigentes políticos não os empurravam para um beco sem saída. Onde alguns na sua ignorância ainda gritam contra os direitos dos pais, que ainda lhes pagam as contas e conseguem dar um tecto.

Vou lá estar a apoiar pelo meu livre pensamento e critico pela sociedade que estou a ver evoluir. Vou lá estar por não ter medo de existir. Pelo direito à democracia. Por um “Portugal com medo de existir” mais solidário mais livre, mais democrático. Onde a fome, a precariedade consegue justificar a destruição dos valores humanos e tantas vezes embrião duma ditadura de massas. Esta sociedade está ferida dum embrião novo de ditadura onde se pode votar mas que de nada serve. Onde se pagam salários miseráveis. Onde não é compensado nem reconhecido o progresso pessoal. Onde alguém com 40 anos é velho e de 30 está limitado à casa dos pais. Mas ambos têm em comum a precariedade e baixos salários que lhes não permitem viver condignamente.

publicado por carlocos às 22:33
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Chega hoje o dia da libertação do imposto

Segundo a New Direction – Fundação para a Reforma Europeia, os portugueses a partir de hoje estão livres de impostos e a partir de hoje, tudo o ganham é para pagar as outras contas. Nada mais errado. Isso seria verdade, se em Portugal não existisse uma panóplia de impostos e uma carga fiscal brutal que asfixia famílias e empresas.

Se forem contabilizados todos os outros impostos. Como por exemplo e para não ser exaustivo porque só se pode comparar iguais existências e não impostos escondidos ou ocultos. As rendas das elétricas, no recibo da luz. Os impostos pagos às autarquias, constantes nos recibos da água. Impostos aplicados nos combustíveis, portagens, derramas autárquicas e fiscais. E, isto só para não ser exaustivo porque muitos mais impostos indiretos existem. Como não podemos esquecer as taxas moderadoras. Que nos países utilizados como exemplo pura e simplesmente não existem. Assim como o custo dos medicamentos por lá, significativamente mais baratos. Noutros casos completamente grátis. Assim como, o custo duma consulta médica. Mas como antes disse não vamos falar disso. A realidade é que o dia da libertação avança uns largos dias ultrapassando messes.

Mas no caso de alguns funcionários públicos – que isto da crise não chega a todos, as PPPs causadoras do descalabro estão isentas - com o roubo nos salários e subsídios o dia da libertação do roubo é lá pelos idos de Outubro. A partir de Outubro estamos livres de pagar impostos para sustentar uma máquina política cada vez mais pesada.

publicado por carlocos às 22:32
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Mais um organismo sem o menor préstimo carregado de boys

Nas linhas anteriores este governo fala em austeridade e cria comissões de luxo na função pública. A Comissão de Recrutamento e Selecção da Administração Pública, não tem a menor utilidade quando as entradas na administração pública estão há vários anos limitadas à escolha politica. Poucos são os lugares onde ainda se recorre ao concurso publico. Mesmo esses é um proforma, porque é utilizado para legalizar a entrada no quadro de pessoal que já trabalha nos organismos, quer a contrato quer a recibos verdes.

Seria menos uma comissão com custo elevadíssimos a pesar os ombros dos contribuintes e a empelar a real média de salários na função pública.

Poderíamos em caso afirmativo da eliminação desta comissão afirmar que era uma medida de coragem do governo. Mas na realidade é uma que se impõe. Mas que não é possível mexer.

publicado por carlocos às 22:30
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Sábado, 2 de Junho de 2012

Prejuízos das empresas do Estado duplicam no primeiro trimestre

Mais uma notícia que vem demonstrar que a situação financeira do estado não é nada favorável. É bem demonstrativa da incompetência do governo. É uma notícia que resulta da errada política económica e demonstra que as reformas exigidas não estão a ser feitas. Assim não há corte nos salários que resista.

 

Enquanto o governo deveria ter enveredado por organizar o sector público e fazer as reformas exigidas na sua gestão. Optou em manter os lóbis e os boys e cortar nos salários. Era previsível que as consequências seriam estas.   

 

Não esquecer que estas empresas na sua maioria estão em regime de exceção. Enquanto os funcionários públicos veem-se espoliados nos salários e subsídios estas empresas gozam dum regime especial.

Mesmo que sejam privatizadas o risco será sempre para os contribuintes pagarem. Apesar do endeusamento apregoado pelos liberais e os apoiantes das privatizações o ganho para o contribuinte será nulo. Se formos analisar a coisa aos olhos das PPPs será mais um encargo brutal para os contribuintes.

publicado por carlocos às 22:34
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Um roubo consciente

O negócio das PPPs como foram feitas em Portugal, são um roubo consciente levado a cabo pelos próprios governantes, pelas empresas de construção e pelas sociedades de advogados que montaram todos estes esquemas.

 

 

publicado por carlocos às 21:47
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Aquela coisa do empreendedorismo

Esta espécie de humorista para imbecis ao minuto 1,56 começa a vomitar parvoíces. Esta espécie semelhante a um ser pensante nunca teve a menor capacidade de compreender o mundo à sua volta. A redoma protetora sustentada pelos contribuintes permite-lhe que escarre os seus desvarios enviesados pseudointelectuais.

No fim ele não tem culpa de se aproveitar da inocuidade de quem lhe dá espaço para aparecer. Esse é o reflexo próprio dum predador. Neste caso da inteligência humana.    
publicado por carlocos às 21:32
link do post | Arrifem comentários | ver comentários (1) | favorito
|

O Coelho não esta a gostar disto

A continuar Portugal1 Turquia2 nestes moldes o governo não vai ter o pessoal anestesiado para as medidas de austeridade que estão ai a porta.

publicado por carlocos às 21:18
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

referer referrer referers referrers http_referer

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.links

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds