É curioso o desplante e desfaçatez com que a classe politica trata os assuntos de estado. Demonstrando um total desrespeito pelos eleitores que os elegeram para servirem o país

.UTILIDADES


ARTE
Aguarelas de Turner
Elfwood
Fantasy art
Boris Vallejo
Gorodin
Imagenetion
Luis Royo
Soanala
Tendreams
Zindy

ROTEIROS e MAPAS
Atlas local
Autour du Monde
Rotas e Viagens
Maporama.com
Mapas.clix
Mapa Michelin
Planta lisboa

AMBIENTE
Fauna Ibérica
Quercus
Geota
Portal Ambiente Online

COISAS INTERESSANTES
"> Dicas
Portal Europeu da Mobilidade
Expresso Emprego
Lado Negro da WEB
O Império Romano
Revelar Lisboa
Portal da história
Covers
Clube internet
Terramoto 1755
Lyrics
Museu das mentiras
Todays front pages
Realidade oculta
Vatican the Holy See

METEOROLOGIA
Geocid
Instituto de Meteorologia
Previsão do Estado do Tempo
Weather.co.uk

RECEITAS de CULINÁRIA
Culinarias.NET
Gastronomia de Portugal
Gastronomia Tradicional Portuguesa
Petiscos
Receitas de Culinária Online
Receitas e menus
Receitas macrobiótica
Receitas, Refeições e Comida É aqui!
Serviço Português de Gastronomia e Hotelaria

INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA
Atlas Geográfico
Centro de Estudos Geográficos
Earth google
Guia Geográfico
Instituto Geo do Exército
Instituto Geo Português

INVESTIGAÇÃO ESPACIAL
Agencia espacial europeia
SPACE.com
Portal do astrónomo

TEMPLATES
^.^ COYSITAS II ^.^
Mudar o template
Templates by Maximus
Portal By Marina

WALLPAPER
Dave's Scenic Nature
Deviantart
Desktopia
Digital Blasphemy
PCparadise
SPACE
Webshots

CASAS ENGRAÇADAS
Cavalheiros do Apocalipse Diz Que Disse
Esta barra é azul!
Estranho mas verdade
O coiso
Frente de Libertação Caramela
História em Disparates
Macacos sem galho
O Bobo
O MANGALHO ANTÍ-STRESS
vitominas

MOTORES DE BUSCA
Clix
Descobre
Google
Guia gratis
Iol
O leme
O Mocho
Sapo
Tendencia.cc

ENCICLOPÉDIAS E DICIONÁRIOS
Ciberdúvidas da Língua Portuguesa
corrector On-line
Dicionários
Tradutor
Wikipedia

JORNAIS DE PORTUGAL
Agencia financeira
Correio da Manhã
Diário digital
Diário económico
Diario de notícias
Expresso
Lusa
Jornal digital
Jornal de negócios
Jornal de notícias
Jornalismo & Comunicação
Mundo.pt
Sol
Publico
O 1º de Janeiro
Semanário

REVISTAS
Nova Vaga
Visão
Finisterra
National Geographic
Atlântico
Sabado

TV
TVI

Rádio

Telefonia do Alentejo
RR

JORNAIS REGIONAIS
ALGARVE

Jornal do Algarve
Jornal do sotavento
Região sul

ALTO ALENTEJO
Diário do Alentejo

BAIXO ALENTEJO
Moura digital

BEIRA ALTA
Diário regional Viseu
Nova Guarda

BEIRA BAIXA
Jornal do fundão
Reconquista
Gazeta do interior

BEIRA LITORAL
As Beiras
Diário de Coimbra
Diário de Aveiro
Diário de Leiria

DOURO LITORAL
Imediato

ESTREMADURA
Jornal da praceta
Região de Setubal
Voz do campo
O Setubalense

MINHO
Diário do Minho
Antena Minho-106.0 FM

RIBATEJO
O Mirante
O Ribatejo
Vida Ribatejana

TRÁS-OS-MONTES E ALTO DOURO
Mensageiro de Bragança
Voz do nordeste

AÇORES
Azores.gov
Azores digital
Açoriano Oriental
A união

MADEIRA
Madeira.gov
DN da Madeira
Jornal da Madeira

COMUNIDADES PORTUGUESAS
Lusoamericano
Gazeta Lusófona
Jornal Portugal Ilustrado
Mundo-Luso
Portuguese times
Sol Português

ESTRANJA
ANGOLA
Angola Press

ARGENTINA
Clarin Digital
Pagina12

BRASIL
Correio da Bahia
Diario do Nordeste
Globo
News yahoo
Midia sem mascara
Gazeta online

CHILE
El Mercurio
El diario

ESPANHA
El País
El Mundo
abc
Andalucia
El Periodico
Minuto Digital

FRANÇA
Le Monde
Le Figaro

INGLESES
Guardian
The Herald
Financial Times

ITALIANOS
Corriere della Sera
La Repubblica

PORTO RICO
El Nuevo Día

USA
The New York Times
The Washington Post

Islão
Webislam

.posts recentes

. É curioso a frase.

. Para que serve um Ministr...

. Qual é imagem de marca de...

. Mário Viegas Manifesto An...

. O pior presidente de semp...

. Vale a pena ir votar?

. Um presidente um governo.

. O fulano Decidiu que não ...

. Porque se fazem eleições ...

. Porque incomoda a tanta g...

. Pergunta do dia

. Anda por ai uma direita d...

. Olha como está irritada

. Andam todos por ai assust...

. Afinal o ps não aprendeu ...

. Que democracia é esta

. Diz o povo na sua sabedor...

. Existe gente com uma pret...

. “Ajudemos o presidente a ...

. O governo não sabia da li...

. Tiques de ditador.

. Porque razão apresentou a...

. O homem ainda não morreu ...

. Ulrich: "Troika mandou-me...

. Tanto ruido.

. 'Swissleaks' e a xariá

. O EMIGRANTE

. Quando se entra em campan...

. O alarve

. É um conto de crianças.

. Quando os valores morais ...

. Os nossos amigos de turba...

. 10 minutos da vida dum tr...

. Uma ideia, um terrorismo....

. O Mário e gafes

. Mais uma aventura que vai...

. O ambiente cheira mal

. Quando a saúde não tem me...

. Ilhas selvagens portugues...

. Estou farto dos que dizem...

. Quantos pobres recebem “9...

. Grande golpe publicitário...

. Muito se tem falado e esc...

. Visita Guiada ao Museu Mi...

. Como lida a polícia no br...

. A TAP, e os palermas

. BEM-HAJA, Senhor Almirant...

. São noticias deste calibr...

. Não podia estar mais de a...

. Luvas milionárias no caso...

.tags

. “É para inglês ver”; insustentável; list

. “falta de carácter”

. “OBVIAMENTE

. "a voz do dono"

. "Não tenho andado por aqui"

. "o baqueiro do regime"

. "O insólito acontece "

. "reduzir salários"

. 10.8%;erro;grave;desemprego

. 14%; desemprego

. 150 bombeiros

. 150.000 entalhes.

. 25 abril

. 27º

. 4 Milhões

. «por que no te callas»

. a aldeia dos trafulhas.

. a arte de bem mentir.

. a culpa morre solteira

. a força

. a gamar é que esta o ganho

. A ministra? E os exames…

. a primeira baixa colateral

. a velha

. abertura

. acabou

. acepipe

. agentes políticos

. agressões

. aguenta

. ai

. ajuda

. al-zarqawi

. alcachofra

. alcatrão

. alemao

. alguem diferente

. alimentar

. almeida ao poder.

. amnistia

. amo-te

. ana politkovskaia

. anjos caídos

. aprender

. armadilha mortal

. arquivamento

. arredondamento; banco; roubo; arrogante

. Arriba Fóssil

. asneira; nuclear; falências; electricida

. asno

. asnos; governam

. assalto; banco

. assaltos

. assaltos violentos

. assistência

. avô cantigas

. azar; vai-te satanás

. balbúrdia

. baldas

. bancarrota; guerra-civíl

. bancos; depositos

. bancos; lucros

. bandeira

. bando de bestas

. banha da cobra

. bárbaros; império; reformas

. bes

. besta; muro

. bestas

. bestiais

. bicha popular

. bilderberg; foleiro

. bisonte;

. bloco central

. BMW; sumptuárias; encantar; défice

. bobo

. brasil

. briosa de luto

. bronco; sporting

. Buracos negros; pensões douradas; vidas

. burlesco; revolta; fora-da-lei

. burro

. burros e jumentos.

. c.g.d.

. cacto

. cada cavadela

. corrupção

. corruptos

. demagogia

. economia da ruína

. estupidez

. grécia

. incompetente

. militares

. oportunismo

. pedofilia

. ridículo

. roubo

. socialismo

. sons of anarchy

. todas as tags

.arquivos

. Outubro 2015

. Julho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Abril 2014

. Fevereiro 2014

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Novembro 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

.Contadores

Quinta-feira, 28 de Maio de 2009

Imposto “Vital”

Sobre o tal  imposto “Vital”, o Governador do Banco de Portugal vem a dizer “Aqui, “E não tem nada a ver com aumentar a carga fiscal.”  

 
As transacções financeiras encarecem, mas não custa nada a ninguém. Fabulástico, uma nova teoria financeira. Depois das teorias socretinas, descer para cima e subir para baixo que fomos habituados a ouvir sobre a divida publica, economia portuguesa, inflação e poder de compra dos portugueses. Temos agora a teoria dos “impostos lite.”
Por sua vez as opiniões que poderiam interessar do Sr. Governador do BP teriam sido sobre a trapalhada bancária em tempo útil. Que a acreditar em toda a oposição não existiu.
publicado por carlocos às 10:15
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Quarta-feira, 27 de Maio de 2009

Projecto para Lisboa

No seguimento dos cartazes em Lisboa cheguei a este excelente blog sobre a nossa tão maltratada Lisboa, que tem por seu pecado receber sem pedir nada em troca.

 

 

A câmara municipal de Lisboa gastou 35 mil euros, “7 mil contos em escudos” para fazer o que poderia ter feito de graça.
Se o presidente da edilidade pensa que tem razão nas suas queixas, porque não optou por dar uma entrevista a uma qualquer televisão. Por exemplo à Sic no programa “Nós Por Cá”. Sairia muito mais barato – quem sabe até de graça – do que pagar 35 mil euros a uma empresa publicitária, POR ajusto directo.

Se pegasse nos mesmos 35 mil euros e os desse ao Banco Alimentar Contra a Fome, ou a outra qualquer instituição de caridade. Seria uma melhor decisão e louvável. Ou ainda anular uma qualquer divida. Teria tantas e variadas utilidade para esse dinheiro, bem mais úteis do que a forma como gastou o nosso, algum do meu dinheiro.

 

publicado por carlocos às 22:16
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Projecto socialista para a Europa “impostos”

O presidente do PS, Almeida Santos, saiu em defesa da ideia de Vital Moreira de criar um imposto europeu, admitindo inclusivamente a necessidade e novos impostos mundiais para problemas que se globalizaram.

Quais problemas? Os nossos! Que vamos ter que pagar mais uns impostos para sustentar o insustentável.
O projecto destes senhores para Portugal foi aumentar os impostos, criarem outros onde não havia e para a Europa é o mesmo; impostos.
tags:
publicado por carlocos às 22:15
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Luz ao fundo do túnel.

Finalmente a novela já tinha ido longe de mais. Dias Loureiro pediu a demissão de Conselheiro de Estado. Só pecou por tardia. Deveria logo de inicio ter se decidido pelo abandono do cargo. Era inevitável que este seria o desfecho.

Não podia estar mais de acordo. Só lamento que o exemplo não seja seguido por quem de direito.
Por muito que tenha durado esta novela o protagonista consegue estar em superioridade perante outros que de iguala. Que não têm a dignidade de seguir o exemplo.
publicado por carlocos às 22:08
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Terça-feira, 26 de Maio de 2009

Nada mais útil

Lisboa: Cartazes colocados pela Câmara custaram 35 mil euros

 
Este senhor não tem nada mais útil onde gastar o dinheiro?
Anda a queixar-se que a câmara não tem dinheiro para pagar aos fornecedores e depois gasta desta maneira… Não só esbanja dinheiro desta maneira como ainda por ajuste directo.

Os 10% que votaram nele devem estar felizes. E os outros 90% que não votaram nele, acham que fizeram bem? Agora que deixaram que decidissem por eles têm ai os cartazes. Por ajusto directo.

publicado por carlocos às 23:40
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

País da Fantasia.

Oliveira Costa acusou hoje Dias Loureiro de ter mentido quanto ao teor das suas declarações sobre a reunião com António Marta, ex-vice-presidente do Banco de Portugal, a propósito do BPN. "A verdade está com António Marta", disse.

 

 
Não sei porquê mas até acredito que hoje se disse algumas verdades. Mas onde esta a credibilidade de um, de outro ou dos outros? Algures no país da fantasia.
publicado por carlocos às 23:26
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Objectivo imposto.

O cabeça de lista do ps, admite a criação de imposto europeu.

 

Pelos visto os portugueses estão bem financeiramente e a carga fiscal é ligeira por isso nada que criar mais um imposto. Para quem diz que o ps não tem projecto para a Europa nada mais a propósito para calar os críticos. Afinal tem e é mais um imposto.

publicado por carlocos às 23:24
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Sábado, 23 de Maio de 2009

Estranho, o Sócrates não foi vaiado…

Estranho, o Sócrates não foi vaiado…

 

tags:
publicado por carlocos às 14:52
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

“Governo fascista é a morte do artista."

A Escola Artística António Arroio é escola de excelência que enche de orgulho qualquer dirigente com o mínimo de “dois dedos de testa”. Tem prestigio cá e além fronteiras.

Quantos artistas passaram por esta escola e desfrutaram do excelente trabalho do seu corpo docente. Quantos artistas possuem com orgulho no seu currículo “Aluno da António Arroio”.
Ao longo da sua já longa existência soube esta escola criar um espírito de pensamento livre granjeando com os seus antigos e actuais alunos o orgulho “Amo-te”.   
Sempre se cultivou o espírito livre e empreendedor da sua mais-valia, os alunos. Sempre houve por lá professores que com orgulho foram alunos da António Arroio.

Pois, cabe aos [jornalistas] investigar o que é a António Arroio e a sua massa estudantil. Depressa chegam á conclusão que não são pessoas facilmente manipuladas como querem fazer crer. Sabem sim o que querem e para onde vão. Mas sabem que o futuro é incerto. Nem para onde caminha o ensino artístico em Portugal. Mas sabem que com este 1º Ministro e esta Ministra da Educação, caminham por atalhos sinuosos que não pode levar a bom porto.

 

 

tags:
publicado por carlocos às 14:49
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Quinta-feira, 21 de Maio de 2009

competitividade

Quando ouvi o Ministro Manuel Pinho falar em competitividade, lembrei-me daquele mesmo Ministro que, apresentou os baixos salários em Portugal como um factor competitivo para o investimento chinês. O tempo passou e o Sr. Detentor da pasta da Economia ao ser interpelado no parlamento sobre o assunto “Auto-Europa” lembrou-se, nada como falar em “competitividade”. Quer-me parecer que para o Sr. Ministro ser competitivo é salários baixos. Mesmo que já sejam dos mais baixos da OCDE.

 

 

 

Não esta em causa reduzir os impostos, mesmo os que incidem sobre as horas extraordinárias.

publicado por carlocos às 21:04
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

"Ainda está em discussão"

As mudanças professadas pelo governo e apregoadas como reformas têm como exemplo o que se passa na polícia.

Já vão quatro longos anos de asneiras e trapalhadas entrecortadas com a propaganda típica de um vendedor da banha da cobra.
 
Quem não esta lembrado dos ataques iniciais que a policia como todos os outros portugueses sofreram da parte do governo. Inicialmente, foi apregoado que os polícias eram a mais e que tinham que vir para a rua. Resultado três anos depois, vai de formar mais polícias porque afinal, aqueles que sobraram entre os que estavam e os saíram para a rua eram os mesmos de então. O resultado da política do governo para com a polícia foi a desmotivação dos mesmos e em contraponto a motivação dos criminosos. Que ainda viram umas leis. Há quem diga favorável á criminalidade.
 

Nada mais a prepositivo e para confirmar as palavras do Sr. Director, que a manif, de alguns descontentes. Que se pronunciam na união dos 9 sindicatos de policia. E nas palavras do Presidente do Sindicato dos Profissionais da Polícia "Em quatro anos, o Governo não resolveu um único problema, pelo contrário, agravou-os". Essa é ideia que fica com o aumento da criminalidade. E aqui, o assunto já não é exclusivo da polícia é também dos cidadãos. É um sinal evidente que o que foi “feito” foi asneira.

tags:
publicado por carlocos às 20:24
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Segunda-feira, 18 de Maio de 2009

Afinal serve de prova?

Alguém por ai entendido em ilegalidades que me explique como é que é possível uma gravação áudio servir como prova para suspender uma professora e uma gravação vídeo não servir como prova no caso Freeport.

publicado por carlocos às 22:08
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Processos tóxicos

O mistério do ambiente, fez um serviço inestimável ao país ao destruir, os processos e contratos da Cova da Beira.

 

Eram processos tóxicos e como tal só poderiam ser incinerados. Garante fonte segura do mistério do ambiente, que os portugueses podem estar despreocupados. Desta vez não foi por intermédio da duvidosa “co-incineração– tão querida do PM – por isso não incorre contra a saúde pública, só contra a moral. O mistério do ambiente preocupado com a saúde das populações e em especial com a do Sr. 1º Ministro. Que, poderia nos seus afazeres de distribuidor de Magalhães deslocar ao local da queima de tais processos, ser afectado por actos passados, resultantes das dioxinas libertadas.

 
O processo é totalmente inócuo para o Ambiente. Aparentemente é totalmente e completamente prejudicial para o apuramento de uma coisa tão inócua como a verdade.    
 
O mistério do ambiente teve em atenção a saúde pública. Previdentemente, não correu o risco que elevadas taxas de dioxinas fossem libertadas durante um processo menos próprio de destruição desse material. Por exemplo a descoberta da verdade num qualquer tribunal. Que más-línguas asseguram inclusive corruptível da honestidade. Dizem ainda inclusive radioactivo. Assim se evita de forma simples e segura que se contamine o ar, solos e por sua vez as reservas de água. O que seria prejudicial para as gerações actuais e futuras. Já que o resto é coisa de idade media e códigos de cavalheiros.  
 
Entendidos na matéria – talvez, profetas da desgraça ou velhos do Restelo, coisa tão em voga – previam que os produtos iriam poluir o Ambiente, o nome. Coisa de décadas. O que não serviria de nada e assim, quiçá se evita a necessidade de intimar alguém.  
 
Devemos estar agradecidos a este estado de coisa. Devemos louvar o Senhor, PM por nos dotar com tão preocupado e previdente mistério do ambiente.
publicado por carlocos às 21:03
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Os números do desemprego.

Contrariamente ao que disse o ministro da “farinha Mayzena” «A crise não acabou» «E esta de pedra e cal.»

É por estas e por outras que tornam este governo com a credibilidade muito em baixo. Enquanto começam por esse mundo fora a aparecer sinais de recuperação, por cá o único sinal é trapalhão.

Aparecem estas notícias; «Perante os últimos números da economia, o Governo foi obrigado a reconhecer que a crise é mais grave do que esperava. O desemprego está no nível mais elevado desde 1986.», «O secretário-geral da UGT acusa o Governo de irrealismo nas previsões dos números para o desemprego.» Se for levado em conta o que vem no dn, «Pois é verdade, os valores aparentemente afinal não contemplam todos os desempregados cá do burgo.»

Nunca as instituições estiveram em causa desta maneira. Chegando a não saber em quem confiar. Mas em caso de dúvida e depois da actuação deste governo a única coisa que me ocorre é que a inocência é um caso de dúvida.

tags:
publicado por carlocos às 15:45
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Pelo apuramento da verdade.

Diz, o porta-voz do “PS” que, «Achamos que está aqui a haver uma pressão ilegítima, uma tentativa de intromissão ilegítima, de um tema que deve ser resolvido no âmbito da PGR»

«Completamente contra o aproveitamento político-partidário de questões como a que está em causa, onde quem tem competência para decidir é a Procuradoria-Geral da República e, mais propriamente, o Procurador-Geral da República».

Esta tirada profunda de sentido democrata e louvor á separação de poderes teria a sua razão se fosse isso que se tratasse. Mas não é o que se trata. Afinal é que o próprio; «Foi noticiado que o Presidente do Eurojust admitiu ter usado o nome do Ministro da Justiça, em conversas mantidas com investigadores judiciais portugueses, com o objectivo de tentar influenciar um determinado desfecho, na investigação em curso do caso Freeport» - deveria a vergonha dar alguma contenção a certas pessoas o indevido não pode ser calado de modo nenhum.  

Ora se ele próprio afirma – a ter em conta o que foi noticiado – é preocupante pois aparentemente demonstra que existe pressão e tudo indica que seja da pior forma. Com que objectivo? Em defesa de quem? O que se pretendia esconder? Será que podemos ficar descansados, teremos garantias de isenção?

Tem toda pertinência a existência dessa comissão parlamentar para o apuramento da verdade. Ainda decorre a comissão para o apuramento do que se passou no BPN, e que bons frutos tem dado para o apuramento da verdade e do que se passou. Trouxe a nu a ineficácia da supervisão. Já nessa altura também vozes se ergueram contra a intromissão ilegítima, dos deputados na investigação do BPN. Que a bom tempo foi criada, já que aos olhos dos cidadãos a investigação segue lentamente atrás dessa intromissão ilegítima.   

Só pode preocupar os portugueses a razão do medo da existência deste e outros inquéritos parlamentares pela parte do “PS”. O que esperam, no “PS”?

publicado por carlocos às 14:46
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Terça-feira, 12 de Maio de 2009

Bla, Bla, Bla, Bla.

Mas será que os portugueses são todos parvos? Será que não entendem que há pessoas capazes de tirar as devidas elações.
tags:
publicado por carlocos às 21:37
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

A vítima é culpada.

«Quanto à vítima, teve de ser encaminhada para uma instituição de acolhimento para menores em risco, depois de a madrasta ter recusado acolhê-la. Culpa a menina pela prisão do companheiro.»

 

 

São mentalidades como estas que permitem que menores sejam abusados e alguns abusadores desculpados. Neste caso é entre paredes e numa caricatura familiar. O que não deixa de fazer recordar que existe no conjunto público, quem defenda monstros deste calibre e acuse também vítimas de abuso tentando fazer delas os verdadeiros abusadores. E eles, os abusadores, os heróis de pacotilha defendidos pelos seus pares. Aceites com assento para nossa vergonha.

publicado por carlocos às 19:57
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Será esta a justificação.

Correio da Manhã reporta mais sobre a «campanha negra».

 

«O Conselho Superior do Ministério Público aprovou esta terça-feira a instauração de um processo disciplinar contra o Presidente do Eurojust, Lopes da Mota.»

 

tags:
publicado por carlocos às 19:24
link do post | Arrifem comentários | favorito
|
Domingo, 10 de Maio de 2009

Candidaturas dos Faz de conta.

Lembro-me do alarido protagonizado por alguns daqueles socialistas que gostam de malhar, sobre uma possível candidatura a deputado europeu dos sociais-democratas. Que, alegavam eles era para desistir a favor de um possível deputado do círculo da madeira. Durante alguns dias o assunto foi badalado e até acento de discussão parlamentar.

 
Agora com os deputados socialistas que têm uma candidatura de um concorrente a dois lados Câmara do Porto e Parlamento Europeu estão calados. Não acredito na capacidade de estar em dois lados ao mesmo tempo e sabendo a falta de actividade que alguns deputados demonstram. Ainda menos acredito no caso de existirem dois cargos a desempenhar.
 
Elisa Ferreira: "Sinceramente eu quero vir para o Porto"
 
Neste caso qual é o cargo que não é para levar a serio? Pelo que diz Elisa Ferreira ao JN, "Sinceramente eu quero vir para o Porto" a candidatura a deputado europeu não é para levar a sério. Vai mesmo ocupar o lugar de vereador da câmara do Porto. Sim, que No Caso de Elisa Ferreira, ganhar as eleições para a Câmara do Porto, esta fora de questão.
 
Os Portuenses ainda não tiveram tempo para se esquecerem do que foi os mandatos socialistas. Ainda esta na memória bem viva o Eng. Gomes e Eng. Nuno Cardoso.
 
Já agora só mais uma questão o dinheiro do estado é dos portugueses que somos nós que enchemos os cofres com o nosso dinheiro. Ele, o nosso dinheiro não é do PS!. Como aqui "Pintaram os bairros, mas esqueceram-se de vos dizer que o dinheiro é do Estado, é do PS", disse. Não é não! O dinheiro é nosso! Dos portugueses.
 
publicado por carlocos às 17:16
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

Não querias mais nada.

Nem com a sorte da crise internacional para encobrir o que destruiu o vai safar. É perfeitamente compreensível que não veja possibilidades do cenário de coligação.

tags:
publicado por carlocos às 16:56
link do post | Arrifem comentários | favorito
|

referer referrer referers referrers http_referer

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.links

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds